Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

10
Abr24

Das lições da vida

Maria

Frases da vida

 

Há duas opções quando não conseguimos chegar aos nossos objectivos, quando temos dias maus, quando as coisas não correm como esperado, quando nos magoamos... ou nos embrulhamos na queda, ou ganhamos força e aprendemos a voar ❤️🍀

[ B O A _ N O I T E ]

19
Jan24

Saúde mental é tudo 💚

Maria

20240119_080139.jpg

 

Nós não aprendemos nada mesmo. Não voltamos melhores pessoas. E pelo contrário vejo-nos cada vez mais seres sem conteúdo bom. Estamos tão cheios de nada e tão vazios de tudo. Não compreendemos o outro porque na maior parte das vezes estamos só ocupados a fazer nenhum em prol de nada e que quando olhamos nem essa consciência temos. Espera, não compreendemos a nós mesmos quanto mais o outro. Vivemos na correria do dia a dia muitas vezes sem sair do lugar, porque estamos cada vez mais ligados ao que não é real, mas tornou-se. Respiramos a querer investir em nós mas esquecemos que o exterior vai ser sempre só o que os olhos vêem. Os dos outros e os nossos. E o interior que efectivamente descuidamos, não protegemos, não cultivamos acaba por sentir a frustração de quando aos olhos dos outros não somos olhados, notados, acarinhados e protegidos. Quando a nossa mente está fraca e a nossa alma desassossegada de nada vale ter o melhor corpo lá do ginásio que faz subir a estatística dos likes nas redes sociais e o nosso ego assim que postamos uma foto. Porque a alma que precisa de ajuda vai ser a mesma que posta um sorriso e nenhum like lhe traz o conforto e lhe ampara a queda. É preciso um bocadinho mais que isto. Temos que ser nós a nos consciencializar primeiro que temos que tratar do corpo mas que a mente é prioridade, que o nosso bem estar emocional fará tudo o resto acontecer quando as coisas começarem a falhar. A vida é muito bonita mas não é fácil. Se estás numa fase fácil da tudo vida aproveita o momento, aproveita mesmo mas mantém os pés assentes onde te lembres que, a vida não é fácil e quando teima em nos pôr à prova ela não brinca e tu tens que ser mais que uma fase má. Há pessoas que têm muitas fases más. Que não têm ponta de sorte que se lhe pegue, que não sabem o que é viver bem e tirar-se-lhes o tapete, porque na verdade sempre viveram sem tapete e lutam todos os dias para que haja um dia em que o anjinho vença o diabinho que os atormenta. Porque não há maior injustiça que dizer que quem nunca soube o que era viver bem também não se habituou, logo não lhe sente a falta. É tão pequenino quem assim pensa. Vivemos todos no mesmo propósito, não temos todos as mesmas armaduras na mesma guerra. Mas no fim, a única luta que interessa é a interior. Saúde mental é tudo. E tudo o resto vem por acréscimo! 

Não sejamos só números,  cada vez mais tenho essa consciência. Que a gente procure mais o outro, que sejamos empáticos com aqueles que não aparecem, que estão diferentes mesmo que sorriam demasiado, numa ou outra palavra vaga e olhar distante. O olhar não mente e quando não está bem não brilha.

Se tens pensamentos maus sobre ti mesmo, pede ajuda. Calma o problema não está em ti, está em todos nós. Tu mereces, tu és mais que isso. 💚🍀

Podem sempre acompanhar todas as novidades pelo Facebook. Ou pelo Instagram - @sorrisoincognito 》

22
Dez23

Aos quase entas!

Maria

Bem, primeiro é chegar lá que é o que interessa.

E a um mês de entrar nos entas é inevitável não pensar. É pá estou quase nos 40. Não estou triste. nada disso. Quando me olho não me sinto nem aí. 

Mas ainda me lembro de escrever "aos quase 30!" e o tempo passou a voar.

Há ali um click diferente, há uma passagem e um cliché de entrar nos entas. É sentir um peso que não é o peso que na minha juventude lhe dava, quando em conversas a imaginar um futuro ali acima dos trinta "já foste". Aquilo já era para velhos. E hoje aqui, continuo a sentir o espírito jovem a querer fazer muita coisa e a achar que tenho tanto para fazer que definitivamente velhos são os trapos. Não sei se é o psicológico a ter ali um entrave mas não quero pensar na idade a ser um peso. Inevitavelmente traz-me duvidas, anseios e mais medo pelo avançar dos meus que estão também eles mais velhos e em que o mundo não está necessariamente uma maravilha para todos. Não tem como não pensar nas coisas se elas tivessem sido diferentes. Não tem como não pensar nas opções e decisões que fui tomando, nos caminhos que fui seguindo e naqueles que por essas opções não segui. Não sei se estaria mais ou menos feliz, mas não fico ali a tentar perceber. A vida segue e eu não sou das que digo "não me arrependo de nada" mas não fico ali amarrada à ideia. Errei algumas vezes, percebi mais tarde. Mas acho que, se estou orgulhosa da pessoa que sou hoje a essas decisões as devo, porque aprendi e continuo a saber aprender com o que a vida me vai colocando à prova.

Há coisas que bem lá atrás idealizei, porque é isso que fazemos com o nosso futuro, com mais ou menos planos, idealizamos coisas, projectamos sonhos, queremos cada vez mais alcançar estabilidade e concretizar coisas. Ora, chegando a um futuro projectado, neste presente que continua a projectar sonhos e planos para o futuro, há coisas que não consegui conquistar ou realizar e há coisas que não pensava e realizei. No entanto ainda não cumpri o meu sonho de ser mãe, por mil e duas razões e é das poucas coisas que me cutica, talvez já tenha magoado mais até porque gostava de ter sido bem mais nova.. mas... é das poucas coisas que a sociedade por vezes me atinge.

As coisas são o que têm de ser. Aceito o que me é dado e espero ter sempre vincado na minha personalidade ser melhor pessoa a cada dia comigo mesma e com os outros. Estou bem resolvida, com as minhas certezas e as minhas ânsias, com os meus valores e com os meus defeitos. Com este feitiozinho de coração mole com pimenta no nariz pronta a rodar a baiana, lavar prato ou partir a loiça toda. Mas que em tudo a tentar pôr o máximo do melhor de mim.

30
Mai23

A vida é do caraças!

Maria

IMG_20230530_154721_007.jpg

 

Há dias em que me sinto bonita. Leve. Boa onda. Há dias em que me sinto a ultima bolacha do pacote, bem amassadinha, esquecida, ali quase a "roçar" o fim da validade.

Há dias que só vejo as rugas, as perdas, as falhas, as cicatrizes. Há dias em que lhes acho piada, há dias em que é só olhar melhor e não vejo nada disso. Vejo sim, o crescimento, a menina sonhadora, as conquistas, o coração que se mantem no lugar certo, a fé, os sonhos e a visão positiva do lado de lá.

Há dias de muito sol, há dias de tempestade que tento me desviar mas caio estatelada na poça da água. E eu rio. Porque eu gosto muito dos dias de sol e sei que não há dois dias iguais.

Há dias que o medo me atrapalha. Desassossega-me. Abalroa-me. Encosta-me naquele cantinho como se estivesse a passar um furacão e eu estou ali a tentar segurar-me ao virar da esquina.

Há dias em que me apetece só chorar e as lágrimas nem caiem. Outros em que é dificil segura-las e elas desabam qual rio douro a transbordar.  Há dias, muitos, em que me doiem as queixadas de tanto rir, caramba como é bom.

Mas há dias em que me sinto empoderada. Com uma sorte do caneco. Com a vibe no máximo a achar que consigo partir isto tudo e rodar a baiana enquanto bebo o meu tinto maduro em copo de pé alto sem deitar fora.

A vida às vezes parece estar do lado certo, outras vezes bem virada do avesso. Vai na volta, e eu nem sei qual é o meu lado certo... mas é só a vida a acontecer.

E isto de viver é do caraças.

Podem sempre acompanhar todas as novidades pelo Facebook. Ou pelo Instagram - @sorrisoincognito 》

▪Texto em destaque na página do @SAPO

25
Mai23

Dúvidas existenciais! #24

Esta coisa de estarmos em constante insatisfação com nós mesmos é fruto da sociedade em que vivemos

Maria

"Se te sentes confortável é porque estás a precisar de uma mudança."

Esta frase que cada vez mais se ouve é o sinal deste tempo de constante inconformidade com a vida que nos passam. Em que nos colocam. Que nos fazem sentir. Se estás ansiosa, estás mal, se estás confortável estás mal. Parece que não há mais meios-termos. E cada vez mais, parece que nos cuticam para estarmos em constante insatisfação para com a nossa vida.

Se te sentes confortável é porque algo está a falhar, dizem.

Não percebo. Sinto que as pessoas gozam menos o estado de felicidade que algo lhes pode dar. E há cada vez mais ansiedade nessa pressão à nossa volta para querermos mais, sempre mais.

Só eu sinto isto?

 

21
Nov22

...

Maria

[há um mês recebi o telefonema. E demorei a conseguir alinhar as ideias. Assim que desliguei fui a correr abrir as mensagens para ver se estavas online. Dizia "online há 15 minutos". Fiquei ali só a pensar que me iam ligar a dizer que era mentira. Foi a ultima vez que te vi online... na vida]

Isto é todo um processo. E não tem sido um processo fácil. 

04
Ago22

Faz valer a pena

Maria

Achávamos nós que sairíamos de uma pandemia com uma lição aprendida. Mais resilientes. Mais empáticos. Mais infinito para além do nosso umbigo. Mais ciente do outro. Tretas. Não aprendemos nada com o safanão que levamos e continuamos a desperdiçar com tretas isto que é a sorte de continuarmos vivos. Agora. Porque daqui a pouco ninguém sabe.

Façamos com que isto valha a pena ❤️

De nada nos valem as discussões. As zangas. Os narizes empinados. O preconceito. A indiferença. Nada.

Mas se conseguirmos manter o coração do lado certo fazemos disto um melhor caminho para esta caminhada ser ainda mais interessante, emotiva e fascinante 🍀

Frases de vida

 

13
Mai22

13 de Maio

Maria

Frases acreditar

 

Acho que a Fé é das coisas que mais nos proporciona introspecção.

E o tamanho da nossa Fé é proporcional ao que acreditamos. Umas vezes mais outras vezes menos. Mas isso não tem que ser necessariamente mau. Para quem acredita.

Mas é essa introspecção tantas e tantas vezes necessária que nos faz tentar perceber o que é isso de ter fé. Em quê, ou em quem. 

Não me refiro a isto só de ser crente. Mas toda a gente tem fé em alguma coisa. Mesmo que no seu interior o seu exame pessoal seja tão abstracto que não deixe bem delineadas todas as arestas disto que é ter fé em alguma coisa. Mas que, e talvez muito mais nos dias menos bons que nos dias bons, essas pessoas se apercebam que a fé está lá e que acreditamos assim que "pedimos ajuda", compreensão ou lucidez no dia a dia frente aos obstáculos da vida.

Há sempre dúvidas e há sempre demasiadas perguntas. Muitas sem resposta. É a introspecção.

[ Hoje é um dia especial para quem segue a religião católica e para quem Fátima é especial. E não me refiro a ser só devota de Nossa Senhora de Fátima.

Fátima é maior que isso. E eu não sei explicar. Mas não acredito que o espaço em si seja indiferente a alguém que lá vá. Eu não consigo explicar, porque facilmente nas minhas palavras está a emoção de ser católica.

13 de Maio, que nossa Senhora olhe por nós, pelos meus!

Que me ajude a ser todos os dias melhor. E agradeço tudo. ]

E é preciso ter fé e acreditar! 

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Sigam-me

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub