Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

19
Set18

Do não voltar onde já se foi feliz. Tretas!

Maria

Ontem começou-nos a Liga dos Campeões num estádio em que já fomos muito felizes.

E desta vez não conseguimos ser tão felizes porque não conseguimos trazer os três pontos com uma vitória, ficamo-nos pelo empate a um. Que bem vistas as coisas não foi assim tão mau. 

Quero apenas fazer referência ao Danilo que após tanto tempo parado mostrou nos noventa minutos que aquele lugar continua à espera do bom jogador que é. Dar as boas vindas ao Militão que a meu ver entrou muito bem com a equipa e ontem foi dos nossos melhores jogadores em campo.

Queria falar um bocadinho do futebol, das falhas, dos passes desastrosos, da intensidade da equipa do Schalke, de termos desperdiçado a oportunidade de ganhar o jogo porque não o conseguimos por falha nossa mas... depois lembro-me do Sérgio Conceição e vai tudo por água abaixo. É a prova viva que envelhecer nem sempre faz mal. Que é mesmo como o vinho do Porto. E que cada vez que ele dá um sorriso eu perco-me e já nem sei o que ele está a analisar.

É isto. Continuo a ter (o treinador mais jeitoso) fé (e foco) em ti Sérgio.

 

Schalke 1 x 1 F.C. Porto (1º jogo da fase de grupos da Liga dos Campeões )

07
Mai18

O que nos move são as paixões!

Maria

Querem saber como vim vestida hoje para o trabalho?

Espreitem no instagram ou no facebook ;)

Esta é uma das minhas paixões.

Que me arrebata o coração. Que me faz querer muito mais. Que me faz vibrar. Que me emociona. Que me faz ter orgulho. Força. Garra. Luta. Acreditar. Sentir. Muito. Quem me conhece sabe o quanto isto me faz sorrir ainda mais.

Eu entendo que cada um tenha a sua, por isso só peço respeito.

Assim como sempre respeito as paixões dos outros.

E agora aguentem, eu também já aguentei muito! ;)

(e o novo template?)

30
Abr18

Nós somos um deles, eles são um de nós!

Maria

  

Que me desculpem todos os adeptos das equipas adversárias. Mas o que eu vi ontem, no aeroporto do Porto aquando a chegada da equipa do Porto foi extraordinário. É preciso tê-los bem no sítio, para terem a coragem de ir por um "corredor humano" sem escolta policial meter-se no meio dos adeptos.

Nós não estávamos lá para fazer nenhuma festa que não seja a da vitória de um jogo difícil num campo difícil para nós e para pedir aquilo que desejamos "EU QUERO O PORTO CAMPEÃO". Foi o que sempre ali se gritou. E o que se ouviu. Com alma. Coração. E muita emoção à mistura. Sempre disse e volto a dizer, há uma grande diferença em ser Porto. Tem que se sentir PORTO. 

Eu sinto exactamente isto. Nós somos um deles, eles são um de nós. PORTO.

O meu coração é Azul e Branco.

Eu quero o Porto Campeão.

Nada está ganho. Mas siga e mai'nada!

[quase que os esmagavam e na verdade nesta altura do campeonato

se as coisas correrem muito mal serão esmagados à mesma :) ]

16
Abr18

Nada está ganho. Mas fez mossa.

Maria

Ainda sinto a batida no peito do Herrera da tamanha emoção que nos deu. E sentiu. Ser Porto.

E ele bateu. E bateu. Com garra. E força. E alma. De dragão no peito. Firme a olhar para o 12. E gritou. PORTO. Mais que isso. Sentiu.

Foi certeiro. Eficaz. Foi capitão. 

Foi um jogo de nervos. Como sempre o é,  um clássico. O Benfica começou melhor. Sem dúvida.  Nós fomos agarrando o jogo. Crescendo.  Apalpamos terreno.  Caímos e pusemos-nos ainda mais rápido de pé para dar tudo.

Não posso deixar de dizer que soube melhor pelas circunstâncias que foram. Não é por o rival ser quem foi, mas sim por irmos buscar o nosso lugar. Recuperarmos no campo deles. Isso torna ainda mais difícil a nossa conquista. Não ganhamos o campeonato. Sabemos que demos um passo importante para o conseguir, isso sim.

E não nos ganham se jogarmos com alma, garra, mística e levarmos o dragão ao peito. Não é mostrar o nome. É mostrar o símbolo da camisola que vestem. É a diferença.

FCP

 

E Herrera, eu estava lá, bem no meio dos super quando no dia 6 de Novembro de 2016 tu podias ter mandado a bola ali prá VCI mas foi para canto e o Benfica já nos descontos empatou num jogo que nitidamente não merecia, mas estava lá e sinto que um terço da força que puseste ontem no remate estava no sangue a fervilhar nas veias do que tinha acontecido.

Todos erramos, e estou em dúvida se tens sido tu a errar mais em campo, se nós, enquanto adeptos que nunca te chegamos a dar o devido valor que tens tido no [nosso] Porto.

 

Herrera, que tiro foi esse?

 

Benfica 0 x 1 Porto

12
Mar18

Não. Não vale tudo.

Maria

O Paços de Ferreira passou mais de metade do jogo no chão, mas quem escorregou foi o FCPorto. Mas escorregou com dignidade. Já o Paços...

Eu, que gosto de ver um bom jogo de futebol e que não tem que ter apenas o meu Porto, ontem foi dos piores que tenho memória de ter assistido. E não foi por ver o meu Porto sair com uma derrota. Não foi a primeira. Não há-de ser a última. Foi por ver um jogo de mete nojo do Paços ao mais alto nível.

O Paços de Ferreira não jogou a seguir ao golo. Fez um anti-jogo. Não teve respeito pelo jogar futebol. Não honraram quem estava em campo. Não tiveram fair play. Ética.

Foi tão mau quanto as palavras do guarda redes na primeira reacção pós fim do jogo. "Respeitamos todas as equipas com quem jogamos, mas têm que entender nós estávamos cansados".

Sinceramente, car@lhinho. Foi vergonhoso.

E quem gosta de futebol não pode ter gostado disto.

O árbitro deu sete minutos de compensação dos quais se jogou um minuto e pico e aos sete apitou. Foi o correcto, quanto mais deixasse jogar, mais tempo e mais jogadores do Paços se atiravam para o chão.

(Não estou com isto a desculpar o FCP de perder o jogo, falhou.

Mas falo apenas do jogar futebol, que era disso o jogo.)

06
Mar18

Liga dos Campeões

Maria

20180306_215937.jpg

 

O melhor pano de fundo de um qualquer jogo é o n°12. A claque. Os adeptos.

Foi um orgulho assistir a este jogo. Com todo aquele apoio vindo das bancadas de uma casa que não a nossa.

Acaba aqui esta caminhada na liga dos campeões depois de um jogo anterior em casa que não fez mérito à nossa equipa mas que condicionou logo lá a nossa caminhada.

Hoje conseguiu-se provar que a equipa é bem mais que aquele primeiro jogo. Mesmo com tantas baixas. Com jogadores novos em campo e sem alguns titulares de início. 

Sempre serei Porto. Um adepto à Porto. Daqueles de gritar até que me falte a voz de mão ao peito pelo meu PORTO.

Nos bons momentos. Nos maus. Nas vitórias. Nas derrotas. No dar a volta por cima. No "até os comemos". Na mágica. No ser dragão.  No sentir PORTO.

 

Liverpool 0 x 0 F.C. Porto (2º mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões - eliminados )

Sobre mim

foto do autor

Sigam-me

<>

INSTAGRAM

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D