Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

10
Mai18

A juba da Maria!

Maria

Cabelo

 

Cabelo

 

Foi domada!

Já não é novidade para ninguém. Eu adoro o meu cabelo. E não gosto propriamente de andar a visitar as cabeleireiras (ainda mais, depois do meu karma, das minhas melhores cabeleireiras saírem do país). Isso exige que faça bem os trabalhos de casa para depois chegar a uma cabeleireira e ouvir ela dizer "o teu cabelo está muito bem tratado e nada estragado". Gosto muito. Dá trabalho. Um cabelo comprido. Ainda para mais com madeixas. Mas é para quem gosta. Não toquei na cor (já desde o ano passado) e adoro a tonalidade dele. Fui mesmo só cortar. E em cabelos compridos é sempre o drama «mas tu não costaste nada». Mentira. Cortei cerca de oito centímetros a passar. Já é muito ;)

18
Set16

A juba da Maria levou um corte.

Maria

Passado um ano a juba da Maria voltou ao corte. E pouco! As cabeleireiras definitivamente não têm sorte comigo.

Como já tinha referido a minha cabeleireira de sempre e amiga, foi há uns anos para a Suíça e desde então as minhas idas à cabeleireira só pioraram. Agora consegui finalmente engraçar com uma que parece gostar quase do meu cabelo tanto como eu e eu gostei, tenho gostado de lá ir e pasmem-se já fui arranjar o cabelo só porque sim. Ela é muito despachada e em três tempos tou pronta, mal tenho tempo de alapar o rabo na cadeira.

Na quinta-feira, também depois de tantos anos sem mexer na cor do meu cabelo e agora após o verão que ele está mais claro, fiz tipo umas madeixas "ombré hair", não quis mexer na cor do cabelo nem raiz e gostava de lhe dar mais umas luzes claras para experimentar mas que ficasse muito discreto e um aspecto mais natural, visto que já o meu tom natural é bem mais claro nas pontas. Isto de não fazer nada há muito tempo também não me dava confiança para mudanças radicais. Mas adorei o resultado.

IMG_20160916_112140.jpg

IMG_20160917_011055.jpg

03
Mar16

O meu cabelo e os cuidados a ter.

Maria

 

Eu adoro o meu cabelo e muitas vezes perguntam o que faço ao meu cabelo para ele estar tão comprido e saudável. Principalmente depois de já lhe ter feito trinta por uma linha e ele sempre se manteve mais ou menos o mesmo. Já usei mil e uma cores, o tamanho é sempre mais para o comprido. Adorava conseguir dar-lhe o corte que queria, mas era coisa se desse para usar umas semanas e depois voltar a este tamanho. Mas parece-me uma tarefa difícil. Neste momento está mesmo natural, não tem pinta de tinta visto que não o pinto há séculos mas não tem uma cor uniforme porque nunca teve, na fotografia não se consegue ver bem, mas ao sol, ele tem umas madeixas bem mais claras e as pontas são também elas mais claras que o restante cabelo. Sempre foi assim ao natural. Mas agora queria mudar-lhe algo. Ainda não sei bem o quê.

Quanto a cuidados... um dia destes partilhei no facebook e instagram, agora partilho por aqui... bem eu não sou a típica mulher que adora ir à cabeleireira. Muito pelo contrário. Evito ao máximo, vou sempre contrariada e quando é extremamente necessário. Não tenho paciência. E então não me imaginam quando eu o pintava. Aquilo só não era um martírio porque a cabeleireira era uma amiga e aquilo parecia passar a correr. No entanto sempre tentei ter cuidados com o meu cabelo, devido ao tamanho e porque como tenho ali uma "pedra no sapato" aka tiróide que me faz perder imenso, há cuidados banais que me habituei e não dispenso. Por exemplo um deles é a máscara. Sempre uso máscara no cabelo e evito lavá-lo todos os dias. Tento sempre secá-lo, se não for totalmente pelo menos na raiz para não ficar tão frágil e mais propício a quebrar. O Shampoo tenho que de quando em vez variar, o meu cabelo quando se habitua demasiado ao shampoo não fica tão bonito. Mas gosto da gama da Elvive. Neste momento, apesar de não ter cabelo pintado uso para cabelo pintados, porque acho que é o que me deixa o cabelo com mais brilho e um melhor ar. Assim como a máscara. Sempre e desde há muito tempo uso a da L’Oréal Profissional de preferência a Lumino Contrast Expert caso não tenha pode ser a Vitamino Color Expert. Ambas muito boas, a primeira para madeixas e adoro-a porque é mais forte no cabelo, mais espessa a outra é para cabelos pintados. Já experimentei outras máscaras mas nunca consegui encontrar uma que me deixasse tão satisfeita como esta, apesar do preço ser mais caro (btw conhecem sites online de confiança em que se consiga preços mais acessíveis nesta marca?), um boião dos grandes mesmo no meu cabelo tão comprido dura-me imenso. Lembrem-se chegar nas pontas. Com o comprimento do meu uso um pouco mais acima das pontas mas nunca perto da raiz. Uso também um sérum alisador com termo activador de fortalecimento com queratina para usar nas pontas quando estico o cabelo, devido ao calor dado pelo secador nas pontas, sérum Gota Dourada. Raramente uso placa. Evito ao máximo, usei duas ou três vezes desde que tenho a minha à cerca de três ou quatro anos. Acho que é o procedimento que mais estraga o cabelo, nomeadamente as pontas. Sendo o método mais usado nas mulheres me parece. É mais usual eu esticar o meu cabelo, porque apesar de estar bem comprido em cinco minutos estico-o.

Como já disse no início raramente vou à cabeleireira e isso também se aplica ao quanto corto o meu cabelo. Não gosto nada de o fazer e tão por isso poucas vezes o faço. Sim dizem que se deve cortar regularmente, mas as minhas pontas, não sei se devido aos cuidados que tento ter com ele não se estragam muito rápido. A última vez que fui à cabeleireira foi aqui e adorei. No entanto já foi à seis meses (nota-se que as pontas já não estão muito certas) e à pala de também ela ter fechado o salão e como nem de trocar de cabeleireira gosto não mais pus os pés numa. Tenho que encontrar outra, já que a minha preferida foi para a Suíça e quando cá vem traz-me chocolates mas não me corta o cabelo.

Eu até gostava de fazer um corte curto. Os 30 já eram e a ideia sempre foi essa, mas depois... depois lembro-me que ele fica lindo esticado, mas aos caracóis também, ou com apanhados, com um simples rabo de cavalo ou mesmo com tranças que tanto gosto. E a ideia passa-me.

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Sigam-me

<>

INSTAGRAM

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D