Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

Dias felizes!

Ontem, 13 de Maio de 2018 foi -[NOS] um dia Especial. Feliz.

IMG_20180514_015845_828.jpg

 

No dia em que me convidaram para ser tua madrinha, fiquei com ciscos nos olhos e um coração a transbordar. Ainda nem te conhecia. Mas foi ali que comecei a amar-te.

Tu nasceste um dia antes do baptizado da minha outra afilhada e foi um fim de semana de coração cheio

 

{ Eu sou grata. Sempre agradeço o que a vida me traz de bom. E sou uma afortunada nas amizades de sangue bom.

Nas que valem a pena. Nas que se tornam sangue.

Sou uma babada por ter como afilhadas filhas de amigos meus de já há muito e que ficam para a vida.}

 

E eu não consigo prometer nada mais que, certezinha, irei tentar ser [-TE] o meu melhor. Dar o meu melhor. E fazer com que nunca te falta amor.

Espero que um dia te orgulhes de me ter como eu já me orgulho de te ter. Muito.

E tal como tenho feito, sempre que possa estarei por perto. A dar colinho. Mimos. A ser a palhaça de serviço. A dar-te a papa. A ir contigo ao médico. A mudar-te a fralda mesmo com "presente". A ir ao passeio. A fazer de babysitter. Nas brincadeiras e nos "nãos" da vida.

 

20180514_235823.jpg

 

IMG_20180515_001432.jpg

 

Ontem foi um dia especial. Assumi perante Deus ser tua madrinha de Baptismo. Ter esse papel na tua vida. Acompanhar-te na fé, na vida, no amor.

E mesmo doentinha como estás, estiveste com o melhor dos teus sorrisos numa festa maravilhosa.

Que eu esteja sempre à altura do que mereces. E que não nos falte tempo para este amor para a vida toda ❤

Grata.

O sentires ser importante na vida de alguém que te escolhe, é que, a Vida é um eco, e isso é sinal de que o que estás emitindo é do bem.

To listening... ♥

 

"Não é sobre ter Todas as pessoas do mundo pra si

É sobre saber que em algum lugar Alguém zela por ti

É sobre cantar e poder escutar Mais do que a própria voz

É sobre dançar na chuva de vida Que cai sobre nós

É saber se sentir infinito Num universo tão vasto e bonito, É saber sonhar

E, então, fazer valer a pena cada verso Daquele poema sobre acreditar

 

Não é sobre chegar no topo do mundo E saber que venceu

É sobre escalar e sentir Que o caminho te fortaleceu

É sobre ser abrigo E também ter morada em outros corações

E assim ter amigos contigo Em todas as situações

A gente não pode ter tudo Qual seria a graça do mundo se fosse assim?

Por isso, eu prefiro sorrisos E os presentes que a vida trouxe Pra perto de mim

 

Não é sobre tudo que o seu dinheiro É capaz de comprar

E sim sobre cada momento Sorriso a se compartilhar

Também não é sobre correr Contra o tempo pra ter sempre mais

Porque quando menos se espera A vida já ficou pra trás

Segura teu filho no colo Sorria e abrace teus pais Enquanto estão aqui

Que a vida é trem-bala, parceiro E a gente é só passageiro prestes a partir

Laiá, laiá, laiá, laiá, laiá Laiá, laiá, laiá, laiá, laiá

 

Segura teu filho no colo Sorria e abrace teus pais Enquanto estão aqui

Que a vida é trem-bala, parceiro E a gente é só passageiro prestes a partir"

daqui

Independentemente do caminho que seja, aprende!

 Valores

 

Na nossa conduta, há sempre um padrão que se deve manter inalterável.

As escolhas vão mudar. As opções. As oportunidades. Os erros. As falhas. As promessas. As vontades. O caminho. Os obstáculos. O querer.

Por mais mudanças que as nossas vidas tenham, por mais tombos que a gente dê, por mais feridas que demorem a cicatrizar, por mais "nunca" e "jamais" que se digam e que não se cumpram,  por mais erros que se cometam... é importante saber que os nossos valores permanecem inalteráveis.

Pode mudar-se tudo. Menos os valores. Os nossos.

[ ♥ ]

O amor é um lugar estranho. E fodido.

Querer

 

Quando queres uma coisa não há desculpas.

Quando não queres? Arranjas as desculpas mais esfarrapadas do mundo. Não podes por isto e aquilo. Inventas cenas marcadas, atrasos, jantares fantasmas, reuniões. Dizes indirectamente que não podes, raramente não queres. Enrolas. Não tens tempo. Adias. Respondes mentalmente e muitas vezes até nem chegas a responder. Esqueces por ali, nem fez mossa. Passou.

Quando queres? Fazes o impensável, vais ao fim do mundo. A noite vira dia. Não há impossíveis. Quebras as regras. A palavra é ir.

Não há nada mais forte que o querer. O ir com vontade. Sem desculpas ou com todas as desculpas do mundo SÓ porque sim!

Feliz Natal! Merry Christmas!

 

Natal.jpg

 

Desejo a todos um Feliz Natal, com o melhor possível, com muita saúde, alegria e com um sapatinho repleto de sorrisos. Amor. Na vida há pequenos pormenores que nos aquecem a alma, um sorriso é um desses pequenos grandes pormenor. Tenham sempre muitos.

Tenham sempre o coração no devido lugar dando valor ao que realmente é de valor.

Boas festas! 

Sigam-me em:

Facebook: SorrisoIncógnito l Blog
Instagram: https://www.instagram.com/sorrisoincognito/

A inversão do papel Mãe e filha..

Esta noite dei "colinho" à minha Mãe.

Há uma altura na vida em que parece que os papéis se invertem. Não há uma idade. Não é a partir de uma meta. Não há nada traçado. Mas há uma altura em que inevitavelmente isso acontece.

Já sou eu que digo vezes sem conta, cuidado com os carros a atravessar a rua, cuidado com as escadas, tem cuidado com o sol, não apanhes frio. Queres um chá. Põe o cinto. Estás bem? Não comas isso que te faz mal.

Há um dia ou outro, que dá vontade de lhe pedir colo, como talvez pedia com cerca de dois anos, mas que agora que sei falar um pouco melhor não utilizo palavras, mas que também inevitavelmente ela percebe se realmente eu estiver a precisar de "colo".

Ontem, ela estava doente.

A minha Mãe, é a super-Mãe. Nunca está doente. Muito raramente a vi adoentada, Graças a Deus.

Ontem estava. E há uma inevitável preocupação, talvez devido a essa inversão de papéis que me fez querer ficar em casa a dar-lhe colo, a ver cada minuto para que melhorasse, a querer estar ali junto a ela para não me escapar nada. Não deu, mas tentei estar ali o mais que pude, ora a correr para casa assim que consegui, ora a ligar-lhe.

Que chata. Quando cheguei ao fim do dia pensei exactamente isso. E tive a noção do que é acharmos tantas vezes as nossas mães chatinhas por se preocuparem demasiado com tudo e mais alguma coisa, mas na verdade, nesta fase de papéis invertidos não somos diferentes. Eu pelo menos não o conseguiria ser. Até a querer que ela se deitasse à minha beira e eu ficar ali a dormir meia acordada sobressaltada a cada movimento e a gastar a expressão "estás bem?".

Hoje, com ela já bem melhor já nos rimos, por esta Maria chata que sou quando me preocupo, quando tenho medo pelos outros, ,quando vejo a dor dos meus como minha.

Essa altura na vida em que os papeis se invertem, é inevitável não tentar ser-lhe um pouco daquilo que ela sempre foi comigo. E querer ser lhe mais.

Mãe galinha. Porque mesmo sendo eu a filha, serei a mãe sempre que (precisar e) conseguir ser-lhe. E que me seja a Mãe que tem sido!

Carta ao...

Só de dizer o teu nome já fica apertadinho cá dentro.

Um dias destes perguntaram-me "isso tem mesmo muito valor para ti, não tem?".

20170928_141019.jpg

 

Mesmo antes de responder os olhos ficaram cheios de ciscos e só isso deu a resposta. Sabe-me a amuleto.

Tu sabes, eu não preciso de nada físico que te lembre. Tu estás e estarás sempre, sempre em mim. És das melhores pessoas que conheci na vida. E nunca vou ter palavras que te cheguem.

Há uma saudade de tudo. Do sorriso, do cheiro, do abraço, das "caralhadas". Do passar férias em tua casa. Daquela banquinha de madeira que me fizeste. Dos bailes a que me levavas. Do me teres ensinado a andar de lambreta. Da tua força. Saudade da tua voz.  A tua voz faz[-me] muita falta.

Às vezes dizem que temos anjos que nos protegem. Eu lembro sempre disso quando ando aos trambolhões e sinto ali aquela mão a proteger.

São dezoito anos sem ti. Dezoito caramba. Como o tempo passa. Como te sinto tão presente. Como te tenho saudade.

IMG_20170928_005034_960.jpg

 

Padrinho, tu sabes, daqui até ao infinito, Amo-te ♥ 

SorrisoIncógnito

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em https://sorrisoincognito.blogs.sapo.pt/.

<>

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência! Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das minhas as quais identifico. Do mesmo modo, este blog respeita os direitos de autor,mas em caso de violação dos mesmos, agradeço ser notificada.