Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

03
Jan20

Desafio de escrita dos pássaros #16

Maria

» Sobre a vida adulta: Ainda não entendi o que é para fazer. «

desafio passaros.JPG

 

Continua a ser inevitável questionar-me - é pá já passei dos trinta há uns anos e há pelo menos duas décadas ao olhar para alguém da minha idade, além de colar logo o rótulo de trintona acrescentava o "já foste".  Porque temos ideias meias concebidas talvez da educação que se teve, das fases que se foi vivendo e da questão social que nos faz ter quase prazos para tudo e mais alguma coisa. Sendo-se rigorosos com o termo "idade". E então lá prós trintas e tal a ideia de gente é  estar mulher casadoira, com filhos, casa própria, família organizada, trabalho que te dê boa estabilidade, caminhos perfeitamente estabelecidos e tretas e mais tretas. Isto porque, quando cá chegas e a vida deu lá uma reviravolta e tu nem sabes se agora está no lado certo, mas tens a noção que estás fora dos "parâmetros" e nem por isso te sentes mal (?!) Com isso, mas socialmente já foste mesmo. É  inevitável não pensares se tivesse sido diferente, se tivesses tomado outras opções se tivesses seguido outros caminhos... É inevitável...

Daqui a uns dias será o meu aniversário e sobre esta vida adulta [muitas vezes penso] ainda não entendi o que é para fazer!

Não sei se siga caminhos pré-concebidos e me sinta uma falhada por as coisas terem saído diferentes da perspectiva, se siga o que é e o que tem de ser e sou feliz à minha maneira.

Isto de ser adulta não é fácil e dizê-lo está longe de ser um clichê.

Falhei muito. Tomei más decisões.  Errei e pasmem-se vou continuar a fazê-lo, porque na verdade se soubesse de antemão o que está certo, saberia lá eu o que é viver. No entanto entendi que o correcto é seguir o que Eu acho que devo seguir, mesmo que isso me leve a tropeçar várias vezes e a ficar com a marca dos joelhos esfolados. Mas quem garante que se tivesse feito diferente,  seria melhor?

Não tenho o mesmo corpo, ganho mais rugas a cada dia, flacidez, marcas, celulite e quilos! Mas a essência do coração está lá e uma coisa eu sei, se o seguir, estou no bom caminho. Tenho mesmo que entender o quê?!

 Vejam outros textos meus para este desafio aqui.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Sigam-me

<>

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D