Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

04
Set12

Digam-me de vossa justiça

Maria

Vá, satisfaçam-me a curiosidade. Ouço tanto, leio tanto, que no final fico a pensar que uma grande maioria tem um trabalho de cáca, não gosta do que faz, está ali meramente porque precisa, recebe mal como o caraças, nada o incentiva e isso é a sua grande infelicidade, outros há que têm um trabalho espectacular, ganham espectacularmente bem (se bem que neste aspecto sempre se quer mais), adoram o seu trabalho e assim como assim não trocavam nem a milhões (exagerando ok?!). Outros tantos, não fazem a ponta de um corno, vivem à procura de um emprego e nos entretantos têm uma vida de passeio, férias e mais férias e praia e cafés, esplanadas, sol muito sol, sapatos xpto e sacalhadas de roupa da nova colecção, é festivais, concertos e jantaradas em tudo o que é restaurante. Eu sei que estou aqui numa de exageros e ironia mas, sou só eu que me acho rodeada de extremos?

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Maria

    05.09.12

    Ana, nem sei bem que te diga. É claro que na tua situação eu já tinha reparado que dev iam ser coisas graves que te agarram a esse sitio mas...
    Isto de gostar do trabalho ou não, deve-se muito a isso que acabas de relatar, o ambiente, as pessoas e os superiores... Uma pessoa até pode gostar do trabalho que faz, mas se esses factores muito importantes falham, tudo falha.
    Isso das grandezas fora e dentro da empresa ser o que é, também me queixo, ou seja pra casa e afins tem que haver o resto vamos ver... eu até digo que tenho um boss 5*. Temos uma boa relação, ou sou o seu braço direito aqui dentro, mas depois peca no salário que não recebo pela responsabilidade que tenho, no sub de férias que nunca vi e no trabalho que sempre cresce para mim, e nunca fui de férias que não tivesse que resolver situações de trabalho do mais caricato que há.
    Agora depois de ler o teu testamento digo-te porra que ele há cada um!!!
    Olha força nisso de arranjar maneira de saires dai com a cabeça erguida fazendo-os pagar pelo que fazem. Está na hora de não ser sempre o funcionário a pagar por tudo, os gerentes dos privados têm que se lembrar que não podem fazer as suas próprias leis, mas é o que fazem porque o país onde vivemos os deixa...
    infelizmente :(
    (realmente depois disto o que não te deve faltar são histórias para contar, dasss)

    Beijinho*
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Sobre mim

    foto do autor

    Espreitem Como eu Blog

    Expressões à moda das “tripas” do Porto!

    Sigam-me

    <>

    <>

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Twita-me

    <>

    <>

    Pesquisar

    Arquivo

      1. 2021
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2020
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2019
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2018
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2017
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2016
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2015
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2014
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2013
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2012
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2011
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2010
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2009
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D

    subscrever feeds

    Em destaque no SAPO Blogs
    pub