Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

Salvador em Português!

82fde8a14b6472917b27bdc4205a95d8.jpg

Sem grandes efeitos. Sem decotes. Pernas à mostra. Sem meninos bonitos ou meninas exuberantes. Sem grandes coreografias. Sem cantar em inglês e a marcar pela diferença a cantar na NOSSA língua em Português - orgulho.

Parabéns Salvador Sobral.

Gostei muito do tão simples que foi.

 

To listening... ♥

 

Eu quero estar
Mais próximo do teu olhar
E viajar nesse mundo que só nos teus olhos eu posso ver
Eu quero gritar
Ainda que me falte a voz
Ou te dizer bem baixinho no ouvido agora é a nossa vez
Vou Marcar no meu corpo a frase mais bela que existe de amor
E prometer nos meus beijos
Que só nos teus beijos
Eu quero viver
E quando acordares
eu quero lá estar
E vais perceber que o céu que tu procuras sempre foi teu


Eu quero estar ao teu lado pra sempre
Relaxa e deixa-me fazer-te sorrir
É ao teu lado que eu me sinto diferente
É ao teu só ao teu

Quero te levar
A onde mais ninguém levou
Onde o ar cheira flores
E as flores são o espelho de quem eu sou
Eu quero gritar
Ainda que me falte a voz
Aceita agora é a nossa vez
E quando acordares
Eu quero lá estar
E vais perceber que o céu que tu procuras sempre foi teu
Eu quero estar ao teu lado pra sempre
Relaxa e deixa-me fazer-te sorrir
É ao teu lado que eu me sinto diferente
É ao teu só teu
E quando eu te tocar
Vais ver
Que este sonho é real
Podes crer
E quando luz se apagar
Vais ver
Que o nosso Amor vai brilhar
E quando acordares eu quero lá estar
E vais perceber que o céu que tu procuras sempre foi teu

"Amar pelos dois"

 

Foi esta a música que ganhou este ano o Festival da Canção.

Deu pano para mangas, aliás como tem dado nos últimos anos, as críticas ao mesmo. Eu também sou da opinião que em Portugal há tantas boas músicas e boas vozes, mesmo amadores que se encontra por aí que... depois uma pessoa fica decepcionada.

Adiante, por acaso não me apetece falar mais do festival porque já tenho falado em anos anteriores e é um bocadinho mais do mesmo.

Pois que, ganhou a música "Amar pelos dois" interpretada por Salvador Sobral e da autoria da irmã, Luísa Sobral (que gosto de ouvir cantar).

Gosto da música (não é uma música espectacular, mas no rol...), gosto, fica no ouvido, gosto de o ouvir cantar, no entanto não consigo perceber a interpretação física da mesma. Há ali todo um conjunto exterior, incluindo o aspecto visual dele que não me inspira de todo admiração, mas ver aquela actuação com a minha mãe por perto já deu para tirar algo positivo "oh mãe já viste aquele cabelo? Benze-te duas vezes antes de falar da minha juba quando saio de casa às vezes pela manhã"!!! E o casaco vejo-o como a personificação do pensamento "por cá, há sempre espaço para mais um", somos um país acolhedor certo?

Só mais uma coisa, não dá para irem os dois irmãos cantar?

É que (só) por acaso gostei bem mais de os ouvir aos dois no final a interpreta-la.

Boa noite!

 

Porque junta-se a música, a letra. Os passos, a dança.

Tudo encaixa, já estou a ver isto no zumba.

Quero. Quero mesmo.

(só falta conseguir curvar tudo como no vídeo)

Desafio 52 semanas | Semana 43/52

Semana 43: Músicas que eu não me canso de ouvir.

 

Comecei este desafio em Janeiro do ano passado, pela lógica teria terminado no fim do ano, mas como não consegui cumprir todas as semanas, o mesmo continuará até conseguir responder a todas as perguntas. Esta semana é sobre música. Eu adoro música e todos os dias ouço, seja rádio, como no pc. Há músicas que vêm de todo o sempre, há aquelas músicas que são de fases, de momentos. Poderia escolher imensas. Estas já vêm de algum tempo:

"Just Breathe" Pearl Jam - Esta é uma música que adoro, de há muito. Durante algum tempo sempre que dava na rádio mudava porque inevitavelmente quando associas músicas a pessoas nem sempre corre bem e não a conseguia ouvir. Hoje já volto a aumentar o som sempre que a ouço. É linda.

"Chuva" Mariza - Adoro a Mariza. A voz. A postura. A emoção nas canções. Chuva é das músicas que também ficam para todo o sempre.

"É isso aí" Ana Carolina e Seu Jorge - Volta e meia, vou lá carregar no play. É daquelas músicas que preciso de ouvir de quando em vez. Duas vozes que adoro. Tenho imensas músicas de um e de outro que ouço vezes sem conta. Esta junta as duas vozes numa música linda.

"Father and son" - Cat Stevens - Lembro-me de ouvir esta música há anos lá em casa. Continua a ser uma música que ultrapassa gerações com uma mensagem intemporal.

"River flows in you" - Yiruma - Porque às vezes não é nas palavras que está o sentido. Há momentos que preciso de uma música assim. E esta é uma daquelas que sem dúvida acalma, naquele momento que preciso estar sozinha.

#52semanas

E desse lado, qual aquela música que não vos cansa?

"As melhores coisas da vida não são coisas..."

Ser turista na "minha" cidade.

Marcar aqueles dias para sair da rotina, para passear, para respirar outros ares.

Foi assim que começou a minha aventura e da melhor amiga. Depois de vezes sem conta querermos marcar um fim de semana e ter passado ao lado. Desta vez foi mesmo. A primeira pergunta de todas, vamos onde? E porque não, Porto? O nosso Porto é lindo, mas umas vezes não há tempo, outras vezes há desculpas esfarrapadas. O Porto vale a pena. Muito aliás. E eu amo o Porto.

Ribeira do Porto Hotel foi o local escolhido para nos acolher. E não poderia ter sido melhor. Tudo correu às mil maravilhas. O hotel está muito bem localizado, tem umas vistas soberbas bem no coração da nossa ribeira e o pessoal é super simpático, atencioso e educado. Muito limpo. Bom pequeno almoço. Estamos ali perto de tudo. Foi uma óptima opção.

frases vida

[ Frases que se encontram nas paredes do hotel ]

ribeira do porto hotel

ribeira do Porto hotel

[ Vista do quarto ]

ribeira do Porto hotel

Andei de comboio e de metro. Andei de Tuk Tuk, de barco fiz o cruzeiro das pontes e fiz duas provas de vinho nas caves do vinho do Porto (Quevedo e Cruz). Comprei um pack por 22€ e acreditem vale a pena.

Tuk tuk Porto

Porto

caves vinho do porto

O modo #MariaTexuga não podia ser esquecido. Houve francesinha numa daquelas esplanadas ali na Ribeira. Jantei na "Filha da Mãe Preta" também ali na Ribeira e sinceramente o que tem de melhor é realmente a vista que é brutal. Descobrimos o "Bar o Cais" onde terminamos a noite a beber e em boas gargalhadas como sempre. Também houve tempo para ir às galerias noutra noite.

night.jpg

Não podia deixar de falar do restaurante onde se comeu melhor, "Rabelos Restaurante Bar" no Cais de Gaia, com boa relação qualidade/preço. Ambiente agradável, pessoal simpático, boas vistas, várias salas e todas muito bem decoradas. O prato escolhido foi o Terra e Mar e estava divinal.

restaurante rabelos

Andei bastante a pé e descemos e subimos várias vezes desde a ribeira até aos Aliados, por ruas diferentes. E não esquecemos a [nossa] Rua Santa Catarina. O espírito de Natal está em todo o lado assim como os turistas que são mais que muitos. Pensava que no verão fosse muitos mais turistas, mas mesmo nesta altura o turismo está em alta. O Porto também está cada vez mais na mira deles.

E ainda assisti à inauguração das luzes de Natal e ao concerto dos "Vozes da Rádio" que se seguiu nos Aliados.

To listening... ♥

 

Tens os olhos de Deus

E os teus lábios nos meus

São duas pétalas vivas.

E os abraços que dás,

São rasgos de luz e de paz

Num céu de asas feridas,

E eu preciso de mais,

Preciso de mais.

 

Dos teus olhos de Deus,

Num perpétuo adeus 

Azuis de sol e de lágrimas,

Dizes: ‘Fica comigo

És o meu porto de abrigo,

E a despedida uma lâmina!’.

Já não preciso de mais,

Não preciso de mais.

 

Embarca em mim,

Que o tempo é curto

Lá vem a noite

Faz-te mais perto.

Amarra assim 

O vento ao corpo,

Embarca em mim

Que o tempo é curto.

Embarca em mim.

 

Tens os olhos de Deus,

E cada qual com os seus

Vê a lonjura que quer,

E quando me tocas por dentro

De ti recolho o alento

Que cada beijo trouxer.

E eu preciso de mais,

Preciso de mais.

 

Nos teus olhos de Deus

Habitam astros e céus,

Foguetes rosa e carmim,

Rodas na festa da aldeia

Palpitam sinos na veia

Cantam ao longe que ‘sim!’.

Não preciso de mais,

Não preciso de mais.

SorrisoIncógnito

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência! Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das minhas as quais identifico. Do mesmo modo, este blog respeita os direitos de autor,mas em caso de violação dos mesmos, agradeço ser notificada.