Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

"As cinquenta sombras de Grey"

 

 

Ora, nada melhor do que, estar em casa doente, de repouso, com uma "proibição" de sair de 48 horas no mínimo e arranjar o que fazer. Pois eu cá gosto de ver filmes.

Nunca consegui perceber muito bem o alarido em volta do filme. Nunca tinha visto sequer o trailer. Aliás, na maior parte das vezes gosto de ir às escuras. Os trailers tiram-nos a surpresa. Agora que vi o primeiro filme "As cinquenta sombras de Grey" também não consigo perceber, no entanto consigo perceber o porquê de quererem tanto ver o segundo. É que por exemplo a mim, seja qual for o género do filme, comédia, drama, suspense, romântico... ficar aquela ponta do véu levantada é cuticar-me e aí sou uma cusca do pior. Assim até eu, quero saber o que o Mrs Grey vai fazer com a pressa toda a sair daquela reunião com a Anastásia na cabeça.

Falta só dizer uma coisa, sim o Mrs. Grey consegue dar a volta a muita gente. E não estou a falar do sexo. Só. Estou mesmo a falar de todo aquele ar misterioso. Seguro. Confiante. Elevadores. De como as pessoas nem sempre se conhecem verdadeiramente até alguém as fazer conhecer a elas próprias. E de como muitas vezes quando entras de cabeça, sais de coração. Sexo incluído.

Por isso retiro esta da rubrica "eu nunca..." mas podem vir de lá, na mesma as chibatadas :p

_____________________________________________________________________________________________

 

 

ADENDA:

Já vi o segundo e a conclusão que tiro é que, acontece muitas vezes, aquela pessoa que controla, reformulo, que acha que controla - o que quer que seja - acaba por ser controlada.

No fundo, um Mrs Grey está realmente nos sonhos de muitas de nós... porque acha que controla a situação, domina vá, mas no fundo, acba por ser dominado... em tudo, no sexo também é claro, mas não só...

Peripécias... *21* _ no trabalho

Chega cá às instalações um potencial futuro fornecedor de serviços e encontra o boss júnior lá fora. O boss não estava, conversam e ele diz-lhe:

Fornecedor: É difícil de o apanhar por cá. Mas eu vou tentando.

Boss júnior: Pois... realmente já tem passado cá algumas vezes e é sempre quando ele não está. (empatando conversa) Pronto vou tomar um cafezinho, quer um?

Fornecedor: Era mesmo isso, ao piso de cima certo?

Boss júnior: Sim....

Já aqui "à minha beira", senti que havia ali um conversa típica de encher chouriços a ver se o tipo dava por ela e ia à vidinha. Até que deve ter dado o tilt e...

Fornecedor: Bem vou trabalhar e deixa-los trabalhar. (e foi!)

Boss entretanto chega.

Boss: Que é que este queria?

Eu: Não falou consigo? Vinha falar consigo!

Boss: Não ele passou por mim cumprimentou-me mas não disse nada.

Boss Júnior: Ele veio só para ver a Maria. Estava mais interessado em subir para tomar café que propriamente em "vender" o serviço!

 

(Entretanto)Recebi uma mensagem no facebook a dizer "Olá!". Imaginam de quem seja?

 

Já tinham saudades das minhas peripécias no trabalho não já?

Let’s talk about sex or men's is the same! *6*

Tive um fim-de-semana "no stop" de trabalho. Acontece de quando em vez. Desta devido a uma feira de exposição. Já aqui falei várias vezes que no trabalho raramente lido com mulheres. Só homens. Ora na feira durante estes três dias de trabalho, não foi diferente. A minha convivência foi quase exclusivamente e apenas com homens. Desde colegas de exposição, clientes, fornecedores e amigos que o trabalho já me trouxe. Trouxe um sono irremediável. Um cansaço para curar durante esta semana. Peripécias, histórias, experiência, gargalhadas e mais umas quantas ilações de conversas encontros e afins. Trabalhar há tanto tempo nesta área faz com que muitas vezes já nem usem filtros em determinadas conversas porque sabem que à partida, já ouvi coisas (e vi) que são propícias a quem lida todos os dias apenas com homens. Num destes dias, ao almoço éramos quatro. Eu e três homens. As conversas começaram por eles e sim é basicamente aquilo que uma mulher pensa quando eles se encontram. Começaram a falar de trabalho, uma cusquice ou outra (sim os homens também são uns cuscos), passaram inevitavelmente pelos carros e acabaram, claro está, em mulheres. Ouvi de tudo, porque tal como disse às vezes esquecem-se que ali estou eu e não usam filtros. Quase no fim um deles pergunta-me, "estás à espera de conhecer um homem que não seja assim? És capaz de conhecer um por cento, só um conselho, certifica-te se é homem". Aquilo, independentemente do que penso sobre esse assunto, deu para umas boas gargalhadas. Há coisas que cada vez mais menos confusão me faz, porque fazem-nas parecer tão banais, que qualquer coisa que eu vá dizer sobre o mesmo não terá importância e depois ainda me perguntam, estás sozinha? Porquê?

Há 0.05% de vontade de acreditar que poderei um dia encontrar alguém em quem confiar. Mas enquanto me infiltrar nas conversas que me infiltro(am), sem filtros, não será com certeza fácil de confiar.

Dei por mim, enquanto comia uma coisa ou outra a pensar "isto até parece que lhes está no sangue". E provavelmente está.

A reter do Suíça x Portugal

Virou moda os jogadores pintarem o cabelo de loiro.

É preciso ter estilo para se pintar o cabelo de loiro e ficar com pinta. É preciso ter muito estilo para um Homem pintar o cabelo de loiro e mandar pinta (cada vez que vejo o Messi até se me reviram os olhos).

 [Fotografia partilhada pelo Quaresma da sua ida hoje ao Vaticano com um presente para o Papa Francisco]

O Quaresma tem estilo, o Quaresma até loiro manda uma pinta do caraças.

(só mesmo o [meu] ciganito para me consolar as vistinhas no jogo de ontem)

Ele também tem blog cá no Sapo. Sigam-no aqui.

(Suíça 2 x 0 PORTUGAL - 1ºjogo de qualificação para o Mundial18)

Desafio 52 semanas | Semana 30/52

Semana 30: Fico impaciente com pessoas que...

 

São sempre as mesmas atrasadas - Não gosto de esperar constantemente pela mesma pessoa. Acaba por me irritar.

Só sabem falar e não sabem ouvir - Acho que pessoas com esta atitude dizem muito sobre elas. E sinceramente já não tenho muita paciência para pessoas que não sabem ouvir, mas cansam os outros de não pararem de falar. 

São demasiado cuscas - Dos exageros, porque quase todos temos uma veia cusca. Mas aquelas pessoas que fazem disso tipo emprego. Há primeira oportunidade tento pô-las no sítio.

Se acham superiores - Deve ser das coisas que mais me tira do sério, mais me faz ficar sem paciência. Pessoas que têm um discurso superior. Pessoas que, mais que quererem ser tratadas com superioridade, querem rebaixar a quem se acham superiores. Passam a ser as pessoas mais pobres para mim, de valores. 

Não respeitam as mulheres - E não estou a ser muito feminista, nem tem a ver com o machismo. Não, tem a ver com qualquer pessoa que não respeite uma mulher. Tem a ver com os homens que maltratam as mulheres física ou psicologicamente. Tem a ver com os homens ou mulheres que "rotulam" qualquer mulher. Tem a ver com mulheres que não respeitam mulheres. Com mulheres que fazem de tudo para lixar outras mulheres só porque sim. Falo de mulheres que não se sabem unir e tão só por isso não respeitam as mulheres logo não se respeitam a elas próprias. Falo de homens que acham que podem tudo e uma mulher não pode nada.

#52semanas

E desse lado, quem vos deixa impaciente?

Cristina. Katia Aveiro. Deus grego.

A edição deste mês da revista Cristina tem Katia Aveiro em entrevista. Cristina Ferreira no seu blog Daily Cristina hoje divulgou algumas imagens (ide cuscar):

 [Fotografia Daily Cristina]

A pergunta que se impõe é, quem é aquele Deus grego a tirar as fotografias?

SorrisoIncógnito

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência! Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das minhas as quais identifico. Do mesmo modo, este blog respeita os direitos de autor,mas em caso de violação dos mesmos, agradeço ser notificada.