Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

Se algum dia pensaram que o vosso karma é maior que... atentem.

Eu já gostei muito de curtir passagens de ano por aí.

Eu já gostei ainda mais de curtir passagens de ano em casa de amigos.

Eu gosto de curtir as passagens de ano em casa.

A grande diferença das outras para a primeira é que, consegues contar com quem vais passar a passagem de ano, com quem vais partilhar aqueles momentos. Com quem vais fazer um brinde. Quem te vai dar o champanhe e quem te vai ver dançar. 

A ultima passagem de ano que passei fora,  foi pouco depois do fim de um  relacionamento. Nem era para ser, mas naquele ano tudo o que eu queria era espairecer. Ver caras novas. Dançar até de manhã divertir-me com os meus amigos mas também com pessoas novas.

Ora o meu karma que é fiel presenteou-me com, a meio de uma dança onde tudo contagiava o meu sorriso aparecesse aquela figura. A ultima que eu queria ver naquela noite. Naquele lugar que eu tinha escolhido para "não lembrar". Sim, exactamente, era ele mesmo, ali bem na "primeira fila da plateia" a sorrir.

Não saí a correr por ali fora, embora no primeiro momento tenha pensado que fosse o melhor. Mas não.  Ignorei e dancei ainda mais. Não liguei a sorrisos, a olhares e nem mesmo às mensagens. Ali mesmo tudo foi normal. Até que cheguei a casa e achei aquela noite um desperdício. Não a aproveitei como queria, não consegui. Fugi e encontrei coisas que me estragaram a noite, no fundo.

Às  vezes lembro-ME  porque comecei a gostar bem mais de outro tipo de passagens com acessos mais restritos e com a certeza que as pessoas que vão estar  ali ao lado no inicio de mais um ano são as minhas pessoas.

Este ano a passagem de ano foi em casa e depois dei um salto a casa de amigos. Foi boa. Passei com quem me diz muito.

Por momentos consigo quase pensar "hummm eu consigo criar uma espécie de bolha e juntar só os bons", mas depois...

Depois no primeiro dia do ano quem se lembra de me desejar bom ano? Pois...

Karma, certo?!

Deixa-me...

insta_deixa-me.jpg

 

De uma vez por todas deixa-me. Preciso disso. Que te esqueças de mim. Que não me vejas. Deixa-me. Não voltes a mexer em mim. Em cuticar-me o coração. Não voltes a abalroar-me por aí. Chega. Nunca fui de te pedir muito, mas agora peço-te tudo, deixa-me.

Deixa-me viver apenas a minha vida. Não me fales. Não me procures. Não me respondas. Apaga. Apaga em ti o eu para então eu apagar em mim o tu. Antes não consigo, sei que vai voltar. Ou vais. Mas não quero isso. Deixa-me. Parece que estou no caminho certo.

Deixa-me para então eu te deixar.

[ ♥ ]

"As mulheres podem tornar-se facilmente amigas de um homem; mas, para manter essa amizade, torna-se indispensável o concurso de uma pequena antipatia física. "

Aquele momento em que o teu ex-namorado pede a uma funcionária da loja para te chamar aos provadores enquanto tu passeias a assobiar pela loja como se não fosse nada contigo.

Por momentos lembrei de um Eu já... nos provadores

Segredo*

Há uns anos, no fim de uma noite de copos virei-me para o meu, na altura namorado, e pedi-lhe que me deixasse fumar um charro. Ele prontíssimo respondeu, "tudo bem mas pede-me quando estiveres sóbria!". Talvez por isso (e agradeço a ele) nunca na vida toquei num. Ele era um namorado espectacular e nunca ninguém percebeu porque acabei com ele. A verdade é que acabei no dia em que olhei para ele com pena porque não tinha de mim o amor que merecia. Ainda hoje tenho pena de mim por ter desistido do homem que me disse “nunca vais ter ninguém que te ame como eu” e que acredito.

*desafio do Shiuuuu

Eu sinto-me assim, feita de pedaços.

Às vezes não é fácil entender mas tem que se entender. É preciso saber diferenciar, o gostar do ter gostado. As relações acabam mas não é por isso que as pessoas esquecem as outras. Eu não quero rigorosamente nada, nem sinto, com nenhum dos meus ex namorados, no entanto marcaram a minha vida, mesmo que a relação tenha acabado há, um mais que outro, que a marcou para todo o sempre e não se vai lá atrás e apaga-se. As pessoas têm que ser instruídas. Não é ligar ao/à ex como se fossem os melhores amigos, não, longe disso, mas serem meros desconhecidos também não é por aí.

SorrisoIncógnito

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência! Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das minhas as quais identifico. Do mesmo modo, este blog respeita os direitos de autor,mas em caso de violação dos mesmos, agradeço ser notificada.