Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

Constatação *52*

Em momento algum, entrei no carro de alguém que me dissesse põe o cinto de segurança. Em (quase) momento algum pedi a quem entra no meu carro para usar cinto de segurança. (o quase é só porque sempre que a minha mãe anda no meu carro atrás, aviso-a, porque adormece facilmente)

 

Serei só eu?

* isto porque não concordo com quem culpa o Angélico pela morte e ferimentos nos outros que não levariam cinto.
Cada um responsabiliza-se por si apartir de uma certa idade.

RIP Angélico (agora sim infelizmente)

Tinhas um sorriso invejável, quando te via dizia isso imensa vezes. Não ouvia as tuas músicas mas tens letras que dizem muito. Não influenciaste a minha vida, mas a de muitos que te seguiam. Muitos são os que fizeste companhia a noite, porque há muita gente que é isso que procura nas ficções. Marcaste com certeza com a tua músia momentos de muitas vidas. Que o teu sorriso vá sempre longe. Tiveste uma vida bonita. Curta é certo, muito curta para um jovem de 28 anos, bonito, trabalhador, de bem com a vida, lutador, de sucesso e com um futuro promissor. As loucuras são feitas por muitos de nós, mas há que ter a consciencialização que as leis são em todo o caso o que pode enganar um fim trágico.

* btw esta foto é lindíssima, como tantas outras que nos deixa

Descansa em paz. 31-12-1982 -- 28-06-2011

Há um preço muito alto que se paga pela fama...

E não há quem pague nestes momentos o que eu gosto por ser mais uma simples anónima. A comunicação social pensa sempre estar acima de tudo, e esses que se dizem jornalistas, principalmente os que mencionam "fontes anónimas" ou "fontes próximas de x ou y", têm sempre o interesse do jornalismo (sendo ele bom ou mau) acima de qualquer vida humana. É nesta altura que cai a máscara desses pobres de espírito que não têm meios para atingir os fins. Não têm limites. É o querer dar a notícia e ponto. É pôr um título chamativo e dentro da notícia a coisa não dizer o mesmo. Estou como o Nuno Markl disse no seu facebook, "O drama do Angélico Vieira é ainda mais triste com esta guerra informativa (...)", afinal de contas, já alguém confirmou, a ser verdade, que ele partiu?? Que vergonha de gente.

"Quem não tem telhados de vidro que atire a primeira pedra!"

(cerca de) um ano atrás tive um amigo que infelizmente passou pelo mesmo, tal como escrevi aquiaqui, aqui e aqui. Este assunto trás sempre muito comentário, muita critica, muita auto-defesa, muita ingenuidade, muito cinismo. As pessoas são cruéis. Eu não era fã do Angélico, nem como cantor nem como actor. (mas gostei de o ver quando entrou nos Morangos com Açúcar, quando fez parte dos D'Zrt, tinha um bom corpo para modelo, acho-o fofo e gostei de o ver com a Rita sim) Digo isto porque não era aquela pessoa que o seguia em tudo o que fazia, não não era de todo. Mas é sim uma figura pública, é uma pessoa que embora não conheça pessoalmente, sei coisas sobre ele. E custa-me ler certas coisas que se escrevem por aí. Primeiro porque ninguém está livre de lhe acontecer o que aconteceu, segundo porque acho sim que se deve falar e informar do que lhe está acontecer, da mesma maneira que sempre falaram da sua vida profissional, e até o que podiam da sua vida pessoal. As pessoas disso interessavam-se agora que o rapaz está no estado que está “Oh porra que não falam de mais nada!”. Sim toda a gente sabe que infelizmente há todos os dias acidentes destes em que morrem milhares de desconhecidos, por dia segundo dizem dão entrada em hospitais cerca de 15 pessoas com traumatismos crânio-encefálico graves. No mesmo acidente dele faleceu um outro homem de quem realmente pouco se falou. Mas entendam são as figuras públicas que dão a cara no dia a dia nos mais variados meios de comunicação social. O tratamento é diferenciado porque tem que ser. Eu enquanto funcionária da empresa não tenho as regalias que o gerente tem, a todos os níveis incluindo os sociais. O único tratamento que não pode ser diferenciado é o direito de viver, mas isso num processo normal não nos cabe a nós. Há sempre aqui um ponto que não entendo. As pessoas.

Guardar algo que possa recordar-te seria admitir que eu pudesse esquecer-te.

Há pessoas que não se esquecem. Não é preciso guardar alguma coisa palpável ou visível para que não caia no esquecimento, não. A nossa melhor lembrança é a memória. Sejam por bons motivos ou menos bons, há momentos que a memória não apaga, logo pessoas que não se esquecem.

«Em caixa: 1349 mensagens. 1158 mensagens apagadas. Em caixa: 191 mensagens.»

Há mensagens que não devem ser apagadas pelo simples facto que sempre que deres com elas, tornam aquele momento real, duro mas real e é bom não esquecer. As que se apagam... é porque nem é bom lembrar.

Podia falar de como senti o murro no estômago do Villas Boas...

Mas prefiro falar como eu ♥ o verão!


Como gosto de cor, sol e bom tempo. De roupas leves, havaianas, óculos de sol. Verniz rosa, calções. Amo vestidos. O branco. Finos fresquinhos, beirão com gelo, pooooncha! Fruta, cocktails. Passear, noites quentes, esplanadas, conversas soltas. Praia, mar, bronze. Pôr do sol. Rir, sorrir, gargalhadas. Apetece, venha ele.

Das figuras públicas

Não consigo achar piada nenhuma ao visual da Marisa Liz dos "Amor Electro" - ex-Donna Maria que por sinal tinha músicas que adorava - . Não sei se é aquele cabelo cortado à tigela a juntar ao meu trauma desde que usei parecido na primária se as roupas, se aos tons garridos se à cor de base morta que usa. Tenho para mim que a imagem de marca dela ganhava mais se menos trabalhada fosse, assim tipo mais básica, é que os exageros nem sempre são apreciáveis e toleráveis.

Pág. 1/3

SorrisoIncógnito

É proibida a reprodução parcial/total de textos deste blog, sem a indicação expressa da autoria e proveniência! Todas as imagens aqui visualizadas são retiradas da internet, com a excepção das minhas as quais identifico. Do mesmo modo, este blog respeita os direitos de autor,mas em caso de violação dos mesmos, agradeço ser notificada.